Suínos

Costela Suína

  • Home
  • Costela Suína

A gente faz com gosto tudo o que você gosta.

Costela Suína

Costela Suína

Validade:

365 dias

Conservação:

  • Freezer (-12°C ou mais frio)
  • Embalagem Fechada – Vide Validade

 

  • Congelador (-10°C a -8°C)
  • Embalagem Fechada – 6 meses

 

  • Geladeira (+4°C a +8°C)
  • Embalagem Fechada – 3 dias

 

Uma vez descongelado, este produto não deve

ser congelado novamente.

A Costela Suína Aurora Premium oferece um maior teor de carne quando comparado com a tradicional costela, um produto diferenciado pra fazer sucesso no seu churrasco ou receita.

  • Ideal para o churrasco
  • Muito mais carne

Informações Nutricionais:

Porção de 100 g (1/4 unidade)**

Quantidade por Porção

%VD(*)

Valor Energético

362 kcal = 1522 kj

18

Carboidratos

0 g

0

Proteínas

15 g

20

Gorduras Totais

34 g

61

Gorduras Saturadas

12 g

55

Gorduras Trans

0 g

**

Fibra Alimentar

0 g

0

Sódio

47 mg

2

* % Valores Diários de referencia com base em uma dieta de 2000 kcal ou 8400 kj. Seus valores diários podem ser maiores ou menores, dependendo de suas necessidades energéticas.

** Valor não especificado.

Dicas:

Dica nº 1 – Temperatura e distância do carvão 

A temperatura do carvão é de extrema importância no preparo dos cortes, pois é ela que vai proporcionar a suculência dos produtos. Para isso, o ideal é manter um braseiro médio e posicionar a sua grelha a 40cm do carvão. Se houver labaredas, ou seja, chamas altas do fogo, a tripa irá se romper e a carne ficará queimada por fora e crua por dentro. 

 

Dica nº 2 – Defumado 

Para ter um sabor mais defumado em seu churrasco, adicione um pedaço de lenha no meio do carvão. As lenhas mais utilizadas para garantir um defumado diferenciado são as frutíferas, como de goiabeira, laranjeira, pessegueiro, entre outas. Recomenda-se que sejam utilizadas lenhas que não tenham resinas e produtos químicos para evitar a contaminação aos alimentos.  

 

Dica nº 03 – Temperatura da grelha 

A temperatura da grelha vai proporcionar a selagem do produto. A técnica de selar consiste em criar uma barreira caramelizada e imediata através do calor, preservando os sucos internamente ao produto, ou seja, garantindo a sua suculência e aquela coloração linda! Desta forma, a grelha precisa estar preaquecida para começar a churrasquear. Se iniciar o processo com a grelha fria, a linguiça ficará apenas cozida, com textura seca, sem coloração e enrugada. 

 

Dica nº 04 – Acompanhamentos de vegetais e ervas 

Para os consumidores adeptos de refeições mais saudáveis e gourmetizadas, a opção de vegetais grelhados na churrasqueira promovem a praticidade e diferencial, que acompanhados de ervas frescas, podem garantir um sabor refrescante e leve para o momento do churrasco.  

 

Dica nº 05 – Acompanhamentos de molhos 

Molhos são fáceis de preparar e ótimos potencializadores de sabor. Molhos, principalmente frios, a base de alho, especiarias, condimentos e ervas são acompanhamentos excelentes para qualquer carne do churrasco!  

 

Dica nº 06 – Preparo de peças grandes 

Na hora de preparar peças grandes, tenha o papel alumínio como o maior aliado! Proteger a carne com ele é uma técnica que vai conduzir os próprios líquidos pela peça em forma de vapor, proporcionando um cozimento lento e bem distribuído, garantindo suculência e sabor. Ao final, basta retirar a proteção e dar aquela tostada rápida de sua preferência. 

 

Dica nº 07 – Pré-preparo da Costela Suína 

Para se preparar uma costela bem saborosa, é preciso retirar a sua membrana para que o tempero penetre melhor na carne. Para isso, posicione a costela suína descongelada sobre uma superfície previamente higienizada com a parte inferior voltada para cima e, com o auxílio do cabo de uma colher ou uma faca, coloque entre a carne próxima a extremidade da peça para descolar a membrana. Com o auxílio de um papel toalha, puxe-a até que ela se descole por completo de toda a carne. Cuidado para não retirar os ossos! Agora é só temperar e mandar brasa!  

 

Dica nº 08– Preparo da Costela Suína 

Acerte na posição da peça! Sempre coloque a costela suína na churrasqueira com os ossos voltados para o braseiro. Desta forma, a incidência do calor será distribuída lentamente da parte inferior para a superior, fazendo uma cocção mais lenta e uniforme com a carne protegida pelos ossos. Uma costela suína bem suculenta exige tempo de preparo, então não tenha pressa e na churrasqueada comece o preparo por ela!  

Ingredientes:

Carne Congelada de Suíno Com Osso – Costela com Barriga

Não contém glúten.

Não contém lactose.

Não contém alergênicos.

 

Somos Coop

Somos Coop

Somos mais de 100 mil famílias, assim como a sua.

Saiba Mais

Este site usa cookies e dados de navegação de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.

Preferências